Pagamento com WhatsApp exige cuidados; saiba como não cair em golpes

coo-evitar-golpes-no-whatsapp-pay-dicas-de-segurança-ana-p

A possibilidade de transferir dinheiro para outras pessoas e pagar compras pelo WhatsApp promete facilitar muito a vida financeira dos brasileiros. O WhatsApp anunciou dia 15/06 que o Brasil será o primeiro país a contar com essa ferramenta de pagamentos.

Desconfie de cobranças ou pedidos de transferência

“Muita gente já caiu em golpes de pessoas pedindo dinheiro. Mas eram golpistas que hackearam um número de WhatsApp e tiveram acesso à lista de contatos da pessoa. Aqui o cuidado é o mesmo”,

Mas há cuidados tecnológicos que precisam ser tomados para minimizar os riscos.
A Cielo, empresa responsável pelos pagamentos no mensageiro, diz que, em eventual causo de fraude, dispõe de “mecanismos de segurança para bloquear as transações suspeitas até que a situação do usuário seja analisada especificamente pela equipe dedicada ao monitoramento”. Veja dicas de segurança da Cielo:

Não compartilhe o código de confirmação do WhatsApp, o PIN do Facebook Pay ou o código de verificação com ninguém.
Se receber uma mensagem que pareça suspeita, bloqueie e denuncie o número de telefone. Para isso, abra a conversa e toque em Bloquear > Denunciar e bloquear;
Ative o bloqueio por impressão digital, Touch ID ou Face ID no aparelho. Após configurar essa opção, é preciso desbloquear o app toda vez que abri-lo;
Defina uma senha segura para a tela de bloqueio do aparelho.
Ative a confirmação em duas etapas no WhatsApp. Ao ativar a confirmação em duas etapas, o usuário precisará digitar o PIN de seis dígitos toda vez que quiser confirmar seu número no WhatsApp (por exemplo, ao mudar de aparelho).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*